Sexo

Eu tenho um namorado, vamos completar quase um ano de namoro. Ele cobra sexo o tempo todo quase todos os dias.
Já brigamos inúmeras vezes sobre isso, pois não e todos os dias que estou afim.
E ele me diz, que estou afim somente 2 vezes no mês. Que ele e um rapaz novo e eu sou nova, e não tem que ter relação sexual como se tivesse 60 anos.
O problema, e que antes ele me estimulava, me chupava, tentava me fazer gozar, vazia minhas vontades.
Depois de um tempo que foi tendo briga por causa disso, ele não faz mais nada, só quando realmente que uma vez no mês.
Só espera eu tomar posição sobre isso.
Quando eu finalmente eu tomo, ele diz que tô cumprindo tabela do mês.
Brigamos na sábado de novo por isso, depois minha menstruação acabou. Eu quis transar segunda, ele ficou de ironia dizendo que eu não transo, que tenho nojo dele.
Estar dês de segunda até hoje com a mesma ironia, e eu querendo transar e ele também, mais estar fazendo birra.
E estou sem paciência pra isso, e tô tentando evitar briga novamente.
Ele dis que tem necessidade de homem, que tem que transar pelo menos uma vez na semana, e nem isso eu faço.

9 Respostas
  • Termina com esse moleque. Brigas por causa de sexo é o cúmulo!

  • Amiga, homem fazendo birra pra não fazer sexo, sei lá amiga , acho que essa coca é fanta

  • Algo com alguma similaridade acontece comigo. Minha esposa, enquanto namorávamos, era uma mulher muito ativa sexualmente e até me zoava dizendo que ela era a tarada da relação. Hoje em dia, eu fico muito decepcionado pois, mesmo sem termos tido filhos ou algo que atrapalhasse, parece que ela perdeu muito da atividade sexual. Nós sempre tivemos química e até hoje o nosso contato é automático para me deixar duro e pronto pra jogo. O problema é que ela começou a "cortar" as partes, primeiro falou que não queria mais anal, depois não me deixou mais chupá-la, depois parou de me chupar e agora quase sequer transamos. Eu estranho muito e converso com ela a respeito, mas ela sempre diz que nunca tem nada errado, que é normal. Eu já falei até com ela que isso não tem nada de normal e que, se ela acha normal, é porque a relação, para ela, já virou amizade ou sei lá o que. Ela nega sempre, mas fato é que nosso contato físico se limita a andar de mãos dadas e dar um selinho de "oi" ou "tchau". Ao meu ver, uma relação sexualmente péssima.
    Eu sei que ela me ama por outras atitudes e eu sei que a amo também, mas isso tem me feito questionar muito a qualidade da relação e os motivos pelos quais ela perdeu tanto o interesse por sexo. Todos os dias eu penso nisso, por isso, quando vi seu comentário, me identifiquei um pouco. Claro, sou diferente do seu namorado porque não fico fazendo birra e também porque, se o problema fosse satisfazer as vontades dela na cama, eu ficaria muito feliz de fazer qualquer coisa que ela quisesse, como sempre fiz. Nunca neguei qualquer tipo de preliminar e nem tenho intenção de passar a negar nada.
    Eu cheguei a pensar que ela tem alguma tara por brigas, pois, em geral, nosso raro sexo de hoje em dia acontece em algum momento mais tenso. Depois de algum tempo sem nos falarmos ou coisa do tipo, eu vou até ela e a pego em meus braços, ela corresponde e tiramos a roupa. Daí, ela só deita, me afasta se eu vou na direção dos seios ou "dela", segura a ponta da camisinha, manda eu passar gel e "vem logo". Como a falta de sexo frequente me deixa mais precoce (por excesso de vontade), acabo gozando rápido e continuo o ato até onde consigo para aproveitar, pois, por ela, "gozou, para, eu tenho medo da camisinha estourar". Ok, eu entendo, não queremos ter filhos, mas acho a reação exagerada e fico penando até uma outra chance de transar. E o pior é que estou numa fase absurdamente ativa.
    Quero deixar claro que, apesar de estar contrariado, nunca procurei alternativa, seja amante ou profissional. Meu negócio em relação a sexo é ela mesmo. Eu tenho muito tesão nela e sempre deixei isso muito claro. Aliás, mesmo quando não transamos eu falo.
    Acabei de lembrar que, recentemente, ela reclamou comigo que eu olho demais para os seios dela. Isso dentro de casa... mas era para eu olhar para os seios de quem? Da vizinha? Da colega de trabalho? De alguma outra na rua? E era também para eu ter furor sexual com essas outras citadas?
    É complicado...

  • Ah, sim, eu já tinha desabafado aqui antes que minha esposa teve um problema de tireóide, mas isso já foi tratado e até foi recomendado pela médica que o tratamento fosse interrompido por ter sido um sucesso...

  • Me deixa mais puta essa cobrança de sexo porque parece que tudo para ele é sexo. Porque parece que se a gente tivesse transando todos os dias não teria problema no resto da situação só que parece que eu tô num casamento que eu não estou afim de estar porque eu tenho 21 anos e não é isso que eu quero e eu parece que eu estou namorando velho, antigamente ele me levava para passear a gente ele fazia tudo para mim conquistar, no sexo era bom ele me levava no cinema me levava no parque da cidade que aqui em Brasília e me leva para tudo que é canto para a gente aproveitar o dia só que hoje ele não sai mais comigo se sai comigo é só para comer e só a minha relação tá uma relação fria porque a única coisa que ele quer sexo e quando eu não estou afim eu faço por agradar ele para deixar ele feliz ele disse que está mal feito que eu faço só por obrigação.
    A relação ficou fria, não me beija mais como antes, não me chama de amor mais, me toca pouco, quando toca e pra sexo.
    Só faz carinho quando eu peço.
    Depois diz que a culpa e minha, que fui eu que fiquei fria

  • Gigante
    Concordo com vc. Ou ele para de palhaçada, ou o relacionamento também não pode continuar.
    Alguém no mundo
    Se for pra ficar assim, melhor terminar. Pra que se relacionar com um cara que faz chantagem por causa de sexo? Se vc transa, foi ruim... Se não transa, não te leva pra sair. Que infantil.

  • Gigante
    Li seu comentário. Por favor, converse com sua esposa. Ela precisa pelo menos te dar um parecer se não quer mais, se não sente mais desejo em vc, se não consegue fazer sexo por algum motivo... Chame ela pra conversar sério, diga que depois dessa conversa tomará uma decisão sobre o relacionamento.

  • Hoje mesmo tracei um plano de como fazer isso. Preciso cuidar de muitos aspectos, mas sem deixar o ponto principal por resolver.
    Relacionamentos são coisas complicadas...
    Valeu pelo incentivo!

  • Acho que, então, é o caso de vc conversar sério e perguntar se ele quer terminar. Se ele não quiser, aí vc diz que ou ele pára com isso, ou quem vai terminar é vc. Ou então, já fala logo que não quer mais e vamos ver como ele reage.
    O meu caso com o sexo não é somente ser pouco (ao meu ver), é como a postura da minha esposa mudou de uma hora para outra. Já pensei que ela pudesse ter um caso, já pensei que o casamento fosse acabar (ainda estou na dúvida), enfim, já pensei em tudo, mas não consigo entender como uma mulher ativa como ela, do nada, resolveu praticamente largar de mão, parece que nunca gostou! E eu sempre fui um marido bom para ela, ela mesma reconhece isso. Nós nos amamos, nos damos bem, fazemos qualquer coisa juntos pq gostamos da companhia um do outro, enfim, muito estranho. Hoje ela anda pelada pela casa e acha ruim se eu olho. Eu quero beijar, ela não quer, eu quero carinho, ela não quer. Eu não transo sem vontade e não admito que ela transe sem vontade, senão, eu compraria uma boneca inflável. Mas daí a ficar semanas, meses sem transar sem motivo (pelo menos ela diz que não deixou de me amar nem que tem algum problema que possa ter feito com que ela tenha perdido a vontade de transar comigo). Enfim, agora sou eu andando pela casa cheio de vontade de transar (mas não cobrando isso dela) e ela me olhando quase como se eu fosse um tarado pq ela está pelada e eu olhei para ela...

  • Dica: Para mencionar um usuário neste post utilize @NomeUsuario (sem espaços)
    Faça login ou crie uma conta para comentar
PUBLICIDADE