HigorVdS

Interação

Dia entediante como de costume, dormi pra caramba sendo que no dia anterior prometi que ia colocar as coisas no eixo em relação à matéria acumulada, sempre falo isso nos fins de semana. Mas fico feliz por ter praticado atividade física sexta-feira, finalmente consegui coragem e corri pela cidade (minhas pernas estão chorando kkkkkkk ) estou a um tempo com minha rotina nada saudável, a 1 ano pra ser exato, passo a madrugada acordado, antes era jogando, hoje é assistindo pornografia e me masturbando (tenho que parar com essa merda novamente, isso me destrói!) vou dormir lá pelas 7h da manhã, e acordo às 14h para ir trabalhar, não almoço, vou para a faculdade às 17:30 e volto 00h como alguma coisa no jantar ....e reinicia tudo .... Aliás, consegui uma bolsa na faculdade, lá é um lugar que anima meus dias, bom... um pouco, agora tenho mais contato com pessoas. [Vou estar publicando algumas coisas por aqui sobre minha vida, ou algum problema especifico, será algo parecido com um diário, espero que os mods não apaguem, por favor *u* ].

Continuar Lendo

DracoFFF

O que fazer

Conheci uma garota na escola, ainda no ensino fundamental e sempre fui apaixonado por ela. Eramos muito amigos e ela sabia do meu interesse, mas nunca se manifestou. No ano seguinte, ela começou uma discussão comigo, não me lembro o motivo, mas depois não quis falar comigo. Neste mesmo ano, ela foi morar em outro estado.
Anos depois, na última série do ensino médio, eu ainda tinha lembranças dela. Um dia, enquanto eu estava no curso, que era a noite, um amigo me mostrou uma música, e não sei por qual motivo mas aquela música me fez lembrar dela profundamente, tanto que minha mente se fixou nisso a noite toda.
No dia seguinte, pela manhã, resolvi não ir a escola, pois ainda não estava bem com a situação. Após o horário de aula, meus amigos, que sempre souberam da minha paixão por ela, disseram que a mesma tinha voltado para São Paulo, onde moro. No começo não acreditei, até que no outro dia, vi ela. Tão maravilhosa quanto antes...
Eu ficava bobo, pensando inúmeras coisas que poderiam acontecer, pensando que a música que ouvi era o destino agindo. Mas nada aconteceu, até que resolvi falar com ela. Comecei pedindo desculpas, se algo que eu tinha feito tenha magoado ela, e perguntando se podiamos voltar a ser amigos como antes. Ela disse para que eu ficasse tranquilo, e que poderíamos sim. Fiquei muito feliz com aquilo.
Isso foi um dia antes de entrarmos no recesso de meio de ano. Durante as "férias", resolvi mandar uma solicitação de amizade ...

Continuar Lendo