Voltar
Camis
Editado em: 22/07/2021 03:37:53

Minha avó não gosta de mim

Voltei a morar na mesma cidade que minha avó quando eu tinha 4 anos, e ela sempre usou esse tempo que passei longe, como motivo de não ser apegada a mim, e eu relevei já que achava que fosse realmente isso. Porém conforme eu fui crescendo percebi que mesmo meus primos que moravam em outra cidade, quando vinham visitar, ela era só amores e mimos com eles. Nunca faltei com respeito, até hj não sei de onde veio tanta distinção que faziam com a minha pessoa, mesmo que eu tentasse ao maximo me aproximar e ser uma boa neta.
Para meu desgosto moro no terreno ao lado da casa dela, e desde sempre quando eu ia para lá, era tratada com diferença e muitas vezes ouvia de meus avós que não havia motivo para eu frequentar a casa deles e com o tempo eu apenas me afastei. Agora faz quase 4 anos que meu avô faleceu e minha avó tem vindo a minha casa e passou a me cobrar que eu tenho que cuidar dela (tal ideia é reforçada por mais netos delas que moram na cidade, já que eu moro literalmente do lado da casa dela.
Me sinto mal com toda essa pressão e só consigo passar angustia, pois me sinto errada por não me solicitar para cuidar dela, ao mesmo tempo lembro de tudo de ruim que ela me fez passar.

5 Respostas
  • Conversa sobre isso com ela...

  • eu sempre tentei, mas o assunto sempre é levado pra como eu fui/estou sendo ruim e não quis conviver com ela.

  • @Camis, olá tudo bem? Realmente quando falamos de familia é sempre uma situação delicada. Acho que mesmo que as pessoas digam que tem um motivo para não serem apegadas a outras, com um pouco de empatia( se colocar no lugar do próximo ), poderiamos pensar que esse é o momento de fazer diferente e sim, ser mais próximos. Mas quando se trata de pessoas idosas, tem muita áreia na caixinha, isso porque são pessoas que tem história, não sabemos da missa a metade do que elas passaram em suas infâncias, o que viveram, o que sofreram e porque eu to dizendo isso? Porque as vezes nossos pais e avós, são pessoas amarguradas, difíceis e que não tem as nossas mesmas capacidades de perdoar, se colocar no lugar delas e por ai vai. Então nesse caso a decisão tem que vir de você, aceitar ela tal como é, porém se valorizar ao ponto de não ser inferiorizada pelas atitudes que possam a vir ser de grosserias. Mas ainda sim tratar com respeito.
    Quanto a cuidar, não existe motivo nenhum que justifique se você não quiser e tudo bem. Na minha opinião quando alguém fica muito dizendo algo ou empurrando para outra pessoa com justificativas sem perguntar a ela primeiro se ela quer fazer. Na verdade isso se chama imposição e em outras palavras também, ela mesma poderia fazer, mas não o quer e prefere passar a bola para outra pessoa dizendo coisas sem o menor sentido. Então o que eu diria era que cara membro da família poderia se revesar para ir visita-lá ou separarem tarefas que não pesassem para ninguém da familia. Até porque nossos avós em grande parte são aposentados, mas nos ainda precisamos trabalhar, estudar, namorar, casar, cuidar de filhos e trabalhar também. Então cuidar de alguém também se torna mais uma tarefa que somando a todas de nossas vidas pode nos sobrecarregar. Acho que se você se sente mal em certo ponto é porque saber que não pode mudar essa situação de como ela se porta contigo, mas por outro lado, o que mais se pode fazer, visto que você já notou essa diferença na forma de se tratar com outros parentes?
    As vezes conversar com idosos é um aprendizado, mas convenhamos que existem mesmo em nossas famílias parentes que se acham no direito de estar certo só por serem idosos, sendo que a forma como se expressam e recriminam os mais novos não tem nenhum cabimento. É pura teimosia, egocentrismo e coisas da idade mesmo. Em resumo, não toleram que podem estar errados e preferem ficar emburrados.
    Uma coisa eu sei, não é sádio ficar perto de quem nos causa sentimentos ruins. Mas caso ainda precise mesmo recomendo que aprenda a blindar seu emocional para suportar as vezes que precisar visita-la seja para cuidar ou alguma reunião familiar. Se não quiser cuidar dela por conta desses fatores também não se culpe e nem aceite que te culpem pois ninguém sabe das nossas vidas se não nos mesmos e isso inclui vitórias, derrotas, sentimentos e ninguém fora você tem o direito de dizer quem você é ou o que deve ou não fazer. Até mesmo estes comentários, são meramente reflexivos, sinta-se a vontade para utilizar o que for útil e descatar o que não servir para o seu caso.
    Te desejo tudo de bom, uma ótima semana e estou na torcida por você. Qualquer coisa estamos ai. Um abraço!

  • Ei, a sua vó é uma pessoa toxica, desculpa não quero ofender
    Espero q de tudo certo pra vc
    E outra, ela quer de manipular, fazendo vc se sentir péssima, como se fosse você a errada de tudo, não deixa ela fazer isso, você não esta errada, ela durante anos te tratou com diferença, e agora que precisa ta vindo atrás, não deixa ela depender de você, conheço gente desse tipo, faz as coisas e te faz sentir mal como se você tivesse culpa das ações deles, mas vc não tem!!
    Bem não aceita cuidar dela, nem q você fique mal vista por algumas pessoas, confia em mim, é melhor ser mal vista por causa disso do que ter um carrapato grudado em você te fazendo fazer as coisas que ele quer, ela vai querer te fazer achar que vc tem obrigação de cuidar dela somente porque são parentes, mas não, você não tem obrigação!

  • Olha, eu não consigo te aconselhar em nada, mas eu passo por algo parecido.
    Há dois anos atrás, minha avó cometeu um erro enorme, acusou a minha mae de varias coisas por causa de uma mentira (que ela sabe que é mentira, mas se recusa a se desculpar) e parou de falar comigo e com minha mãe. Ela foi embora para Portugal, fiquei meses sem falar com ela, ai quando ela voltou ano passado, nós aqui de casa resolvemos acabar com essa discussão, mesmo ela estando errada, a gente preparou várias coisas que ela gostava pra janta que iamos fazer na casa dela, chegando lá, ela nem olhou na nossa cara, não comeu nada, e ficou do lado de fora da casa com a cara maior do mundo, tipo esperando a gente ir embora, agora ela vai voltar p Brasil de novo, eu sinto falta dela, ainda mais quando vejo outras avós super amorosas com seus netos, mas não vou ir atrás, ela me fez mal e pode fazer de novo.

  • Dica: Para mencionar um usuário neste post utilize @NomeUsuario (sem espaços)
    Faça login ou crie uma conta para comentar
PUBLICIDADE