Voltar
Aninha:70011

......

Acho que gosto de uma colega da minha sala, o que é uma bosta porque eu sou cristã e ela também é cristã, hétero também. E o pior, gostar de alguém do mesmo sexo é pecado.
5 Respostas
  • Hétero também???se vc é uma menina e gosta de outra vc é LÉSBICA,então quem seria a outra hétero da história?

    Espero que vc encontre seu caminho,e não vá na onda de outras pessoas,ninguém é dono da verdade,se o deus evangélico existe e é tão amoroso,ele não vai querer ver um filho sofrer,até pq ele quem te fez assim não foi?

    Fica a reflexão

  • MobMOD

    Não é assim...
    Ter inclinação homoafetiva não é pecado, porque é natural, você não tem controle. Entretanto, pecaminoso é a prática. Ou seja, ser franca sobre sua sexualidade é bom porque você encontrará uma direção sobre como deve lidar.

    Mentir para si mesma e acreditar que convencerá Deus da mentira não resolverá. Você deve ser franca porque Deus já sabe. O que o evangelho ensina é que a prática é pecaminosa, logo você deve viver a abstinência. O mundo você já sabe o que te oferece.

  • Fique em paz, não há problema nenhum gostar de alguém, sentir-se atraída.
    Há confusão sobre atração sexual e não sexual. As vezes a pessoa tem uma atração não sexual mas fica confusa gerando uma atração sexual. Sendo uma ou outra tem problema não :) apenas permita-se observar-se.

  • Você não é nem cristã, nem hetero.

  • Muito bem! Pelo menos reconhece o problema, fale com Deus sobre isso, se abra com Ele.

    E se o Deus cristão existe, e de fato existe sim, lembre mesmo que Ele é um Deus amoroso sim, mas um Deus de justiça também. Por amor ao ser humano, Deus criou regras. E nos deu a opção de segui-las ou não segui-las. Se seguirmos, escolhemos a vida. Se não seguirmos, escolhemos a morte. Isso foi definido desde o início. Deus nos deu regras e 2 opções. Simples!

    Um pai que ama o filho permite ele fazer tudo que quer? passar por cima das suas leis, sem consequências? Não! Dá umas chineladas e umas chineladas doídas para ver se aprende. A diferença é que no final não vai dar tempo de levar chinelada, vai levar fumo mesmo, condenação ao inferno.

    Um dos pontos que mais os LGBT e sei lá que letras mais, falam é que "Ah Deus é amor... então ele aprova o nosso amor". Precisamos entender que Deus é amor, mas amor não é Deus! Não é porque algo é "amor", que é aprovado ou amado por Deus.

    Deus é super lento para se irar! Quantas chances Ele dá pra pessoa se arrepender, sabe? Muitas e muitas e muitas! Em todo canto tem igreja, em qualquer lugar tu consegue acessar uma bíblia que é o manual de vida para o ser humano, a verdade tá exposta pra todo mundo ver. Aí no final, "ai seu Deus é mau por me condenar ao inferno! " Mau? Deus te deu um monte de chance, mandou um monte de gente falar a verdade pra ti e tu não quis ouvir. Aí Deus é mau? Não querido, vc que foi burro em não querer aceitar a verdade!

    Deus é Deus, Ele não é obrigado a aceitar nenhum pecado de ser humano obra com a desculpa que é amor. Deus tem parâmetros, tem exigências, se o ser humano não quer nem se esforçar para agradá-lo ou atendê-las, no final, não é mais problema de Deus, é só do ser humano - que vai colher o que plantou. Não tem como plantar e não colher. Não é assim que as coisas funcionam independente do que qualquer um fale, Deus é Deus, e o que Ele pensa está escrito na palavra. Quer o ser humano acredite, quer não, a colheita = inferno ou céu - vai vir!

  • Dica: Para mencionar um usuário neste post utilize @NomeUsuario ou @:USU_ID
    Faça login ou crie uma conta para comentar
PUBLICIDADE